segunda-feira, 27 de abril de 2015

Planeta Saudade - Antônio Rocha Neto

O que você faria se vivesse em um lugar aonde não existisse lembranças, onde a morte apagaria tudo que a pessoa deixou: fotos, musicas, pinturas...?

Esse é o Planeta que o autor Antônio Rocha Neto, Toninho para os amigos, nos apresenta.



Toninho é economista, cronista, filósofo e membro da Academia de Letras Humberto de Campos em Vila Velha.

O planeta, até então sem nome, nos é apresentado como um planeta vazio, onde a morte apagava tudo. Como assim? Ao morrer tudo que a pessoa construiu durante a vida desapareceria. Nas fotos da pessoa, ao invés da imagem dela, grandes borrões brancos ficariam no lugar.

Não consigo me imaginar sem a música de Cazuza, Renato Russo e tantos outros que nos deixaram e que neste planeta não existiria mais.

Mas por um milagre um dia um cometa passou.

E a partir do dia em que ele passou as pessoas começaram a ter lembranças.

O calendário começou a ser contado a partir daquele episódio, tudo agora era D.C (depois do cometa)

Isso foi tão importante que o planeta recebeu o nome do cometa Saudade.

Achei muito interessante esse conto pois, dependendo da sua religião ou não religião, você pode dar nomes a esse cometa.

Deus, Jesus, Buda, Zeus... Qual é o nome do seu cometa? 

E o que é saudade para você? O que você tem saudade?

Adoro os textos do autor Antônio Rocha Neto e estou tendo o prazer de lê-los. E você tem que conhecer.

Aqui é a página do Skoob do livro dele Pequeno discurso sobre a feiura. Maravilhoso!

10 comentários:

  1. Adorei as questões apresentadas. Muitas delas me fizeram refletir bastante!
    Infelizmente não fiquei interessado pelos textos do autor!

    Beijos
    http://ummundochamadolivros.blogspot.com.br/2015/04/resenha-ligeiramente-maliciosos-por.html

    ResponderExcluir
  2. Nossa Dani
    Gostei do texto, e sinceridade acho que saudade é quando quem amamos se vai, é uma saudade eterna e não sei que nome daria a esse cometa, mas acho que poderia ser esperança.
    Beijos

    ResponderExcluir
  3. O que eu faria em um lugar que não existe lembranças? Bem... se eu soubesse que as lembraças tinham sido apagadas, eu iria viver numa angústia mais provocada pela curiosidade do que pela falta, pois afinal daria pra ter saudade daquilo que nem conheço? Mas seu eu já naturalmente não tivesse minhas lembranças, acho que iria viver bem. O único porém é que a gente amadurece das nossas lembranças, experiências, histórias, etc. Como iríamos amadurecer em um lugar assim?

    Sobre o cometa do conto, ele pode significar tantas coisas, mas irei buscar o conto com calma e lê-lo e depois volto aqui pra comentar :)

    ResponderExcluir
  4. Eu acho que ficaria bem sem lembranças, não sei. É um assunto muito complicado de se debater.

    http://laoliphant.com.br/

    ResponderExcluir
  5. Não conhecia o livro e nem o autor, pela resenha, não sei se estou certa, percebi um livro que leva o leitor à momentos de reflexão, o tendo como tema principal a ausência da lembrança, não sei o que eu faria, talvez não levasse a vida tão à sério, sabendo que nada do que eu fizesse seria lembrado, acho que curtiria mais para poder levar comigo todas as experiências boas que pudesse viver

    ResponderExcluir
  6. Dani, realmente a ideia do autor é interessante. Um planeta onde quando as pessoas morrem tudo que foi realizado por estas é apagado.
    Realmente viver sem se lembrar das músicas de Renato Russo e da Legião Urbana seria o Ó, né Dani?
    Boa resenha!

    http://cultura-terraquea.pe.hu/

    ResponderExcluir
  7. Oi, a premissa me atraiu, nunca li algo do autor mas seu texto me deixou bem curioso.
    Abraços
    http://litaralmentelivros.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  8. Oi, tudo bem?
    É muito complicado essa coisa de lembranças sabe, as vezes elas podem ser dolorosas, mas também podem ser muito felizes e doces então não sei bem como lidaria com essa coisa delas se apagarem!
    Achei interessante os textos do autor.

    Abraço ;*
    http://www.livrosesonhos.com/

    ResponderExcluir
  9. Gostei muito do texto, a maioria me fez ficar pensando nas questões tratadas... ❤ Abraços! www.ancoradepapel.blogspot.com

    ResponderExcluir
  10. Não conheço o autor
    Mas achei bem interessante a proposta do conto dele
    E seria bem ruim e estranho viver em um mundo aonde tudo se apaga...
    Já estou seguindo ;)

    Beijos
    http://pocketlibro.blogspot.com.br

    ResponderExcluir